A noite de violência patrocinada por algumas torcidas organizadas do Flamengo na final entre o time da Gávea e o Independiente (ARG) pela final da Copa Sul-Americana ocasionou a suspensão administrativa durante 60 dias, que ocasiona a apreensão de diversos materiais, como bandeiras, instrumentos musicais e outros. Foram apenadas as torcidas Urubuzada, Raça Rubro-negra, Fla-Manguaça e Império Rubro-Negro.

A decisão, tomada em conjunto pelo Ministério Público estadual e o Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (GEPE), passou a valer a partir do dia 17 de janeiro.

Deixe uma resposta